Eterno IV

A mágica no ar
Por parcos segundos
Materializava uma chave
E o olhar alcançava as sombras moribundas do passado
E o ouvido captava os ecos do inferno
Na minha equação