Fresta

Vidro sorridente
Última das bocas beijáveis
Raio que pode
Estilhaçar-me
Não há arame farpado
Vesti meu melhor pijama
Pra te receber esta
Noite
(, (mãezinha))
Estátuas no cruzamento
O tempo sopra um assobio desafinado
Por infinitamente menos te
Matei em meu sonho