Tonietti XIII

Hoje fui assaltado a mão armada por uma dúvida. De repente, sei lá, não sabia mais em que ano estamos, magina. Na minha cabeça o ano era 2003, dois mil e três! brrrrr. Aí me deu aquele aperto no estômago que costuma me dar várias vezes durante o dia, a noite, domingos e feriados e angustiado me perguntei, carabanga, já faz tantos anos assim? Não pode ser, me respondi de pronto. Então, veja só, senhorita, fui obrigado a olhar no calendário. É 2013! E mesmo olhando no calendário tive uma baita dificuldade para destravar o peito e voltar a respirar de novo. Que buzanga. Custa crer que faz 10 anos que não a vejo. Por que o tempo faz esse tipo de jogo com a gente?