Ai que bode

Vejo online entrevista dum tal Luís Augusto Fischer. Apresentado como “professor, crítico e ficcionista”. Percorro até me atrair por uma pergunta:
“Como o sr. avalia o trabalho crítico de Wilson Martins?”
A resposta começa assim: “Era muito interessante...”
Bato asas e voo.