Espera

Viro solto
Envolto passo
Em mero traço
Resto e ergo
Posso e canso
Em mim
Toco a cara
Renasço rei
Troco predo
Pro alto cuspo
Mordo traio
Domingo arrulho
Sonífero fardo
(Pois agora que perdi tanto tempo já não tenho o que esperar)